quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

As minhas desculpas.

Entre muitas razões que poderia encontrar como desculpa perante eu próprio, para justificar a ausência deste meu espaço, nenhuma me parece tão concreta como  a que escolhi e entendo designar por " falta de tempo " . Dizia  um amigo meu com alguma piada " os gajos que não fazem nada já reparaste que são os que mais se queixam da falta de tempo ? ! " A observação acertada deixou-me a matutar,  e isto já lá vão meia dúzia de anos. Tenho feito milhentas coisas aqui pelo computador. Entretido a manter activos os meus blogues de livros e as minhas páginas no facebook, onde coloco as listagens dos milhares de obras que tenho de descrever com alguma minúcia, objectivamente para eu mesmo saber o que possuo. Tudo isto e os " entretantos " como televisão, andar de bicicleta, tratar dos meus animais, cuidar disto e daquilo que surge de vez em quando, leva a deixar este meu blogue à deriva. Por outro lado também tive de arranjar maneira de evitar que me copiassem as fotos e textos que neste e  nos outros meus blogues edito. Especialmente os textos. como já verifiquei suceder sem fazerem a menor referência à sua proveniência. Consegui  isso e agora tenho tudo bloqueado o que é optimo! Por fim vou regressar então aos meus afazeres e veremos se em breve por aqui volto.

Erva Azeda ou trevo.